Em conferência municipal realizada no último sábado (25), o PCdoB de Una-BA firmou mais um passo na atuação da democracia, contribuindo para fortalecer as importantes bases na cidade e região.
O evento contou com a participação de Rodrigo Cardoso, integrante do Comitê Estadual, e sua comitiva, composta por Cris Jóia (União Brasileira de Mulheres), Edson Alves (União de Negros Pela Igualdade – Unegro) e Eduardo Correia (MLT).
Também marcaram presença na conferência, o presidente do Partido dos Trabalhadores de Una, Samarone, juntamente a ex-vereador e ex-secretário Municipal, o advogado Gilberto Lisboa (PT), o Presidente do PSOL de Una, Roberto Carlos, acompanhado de Helvécio, candidato a prefeito na última eleição municipal.
Ainda abrilhantaram o encontro, o presidente da Câmara Municipal de Una, o Professor Jorge do PP, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Una, Sr. Delmiro, o presidente da Coopafeba, Sr. Zenilton, o professor Luiz Henrique, ex-integrante do PCdoB de Una e sua esposa, Adriana.
Na oportunidade, Rodrigo Cardoso parabenizou os integrantes do partido pela atuação no município, e apresentou o Projeto de Resolução ao 15° Congresso do Partido Comunista do Brasil. Cardoso também pontuou com ênfase a defesa da democracia e do Fora Bolsonaro, orientado pela união da esquerda e das correntes progressistas.
Na conferência foi decidido pela recondução à presidência do partido, o Sr. Érico Fontes, a advogada Renata Vilela, integrante do Diretório Municipal, e João Geraldo, também reconduzido à Secretaria de Organização. 
Ainda durante o evento foi abordado os avanços do PCdoB em Una, com destaque para a participação com candidatura própria ao executivo e legislativo nas eleições municipais de 2020.
À comissão estadual foi apresentado, dentre outros, os principais dirigentes de linha de frente do partido em Una, Presidente: Érico Fontes, Vice Presidente: Renata Vilela e Secretário de Organização: João Geraldo.
COMPARTILHAR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *