“consumo excessivo é igual à extinção”

“Nada de moda em um planeta morto”

“Mudança da moda, não mudança climática”

“O clima é uma vítima da moda”


A ação tinha como objetivo denunciar o impacto da indústria da moda nas mudanças climáticas. Nas redes do movimento @extinctionrebellionfrance os ativistas afirmaram: “Esta indústria tóxica polui a Terra e explora as pessoas. Não podemos mais fingir que não podemos; funcionários explorados em Bangladesh, Índia, Etiópia ou mesmo na Itália; cultivo de algodão devastador; consumo excessivo. Nós sabemos.”

A intervenção foi realizada no último dia da Semana de Moda de Paris e reforça “uma redução imediata dos níveis de produção do setor quando, em 2019, foram comercializadas na França 42 peças de vestuário por habitante”.

Siga @BA001 e fique ligado!

COMPARTILHAR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *